Rapaz se vinga de atendente que não quis trocar seu dinheiro




Uma atendente de um supermercado não quis trocar o dinheiro de um rapaz e ele decidiu se “vingar” fazendo uma compra inusitada.

O caso aconteceu na última segunda-feira, dia 31, quando Rafael Franco precisava fazer um depósito de 95 reais e tinha em mãos apenas duas notas de 50 reais. “Peguei uma delas e fui no Carrefour com a esperança de que fossem trocar por duas de 20 reais e duas de 5 reais”, escreveu.

Na sua vez, ele viu a operadora fechando o caixa e contando cédulas para bater com as notas fiscais. “Com toda educação e um grande sorriso no rosto lhe pergunto: ‘Boa tarde senhora, poderia trocar esta nota? Preciso fazer um depósito e não tenho o valor certo'”, relembrou o rapaz.

De acordo com ele, a atendente, que contava várias cédulas de 10 e 20 reais, respondeu que “não tinha troco”. Irritado, Rafael entrou no mercado a procura do item mais barato, só para trocar a nota. “Com o coração cheio de raiva e vingança, passo no mesmo caixa. Ela passa o item, a cenoura mais fina e pequena da seção, de R$ 0,11. E adivinha que nota eu dou? Sim, a de 50”.

A história inusitada está fazendo sucesso nas redes sociais. Confira o texto de Rafael na íntegra:

Ontem precisava fazer um depósito de 95 reais e tinha duas notas de 50. Peguei uma delas e fui no Carrefour com a esperança de que fossem trocar por duas de 20 e duas de 5. Parei em um caixa onde a mulher estava fazendo sangria e tinha um BOLO de notas de 20 e 10. Com toda educação e um grande sorriso no rosto lhe pergunto: Boa tarde, senhora, poderia trocar esta nota? Preciso fazer um depósito e não tenho o valor certo. Com uma cara de deboche ela me olhou e disse (com a mão cheia de notas de 20 e 10) “Não tenho troco”. E então me sobe um ódio incalculável. Resolvi ir na seção de horti-fruit e procurei o item mais barato. Com o coração cheio de raiva e vingança, passo no mesmo caixa. Ela passa o item, a cenoura mais fina e pequena da seção, de R$ 0,11. E advinha que nota eu dou? Sim, a de 50. Foi a sensação mais satisfatória que tive nos últimos tempos… Me senti a Emily Thorne.


Vimos em catracalivre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...